Pages

domingo, 25 de maio de 2014

Amanhontem

Um novo conceito, neologismo ou uma descoberta?

Amanhontem talvez seja um momento, período, entre ontem e amanhã,  mas que não é necessariamente hoje nem agora.

Meditarei até descobrir.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Sobre o inacontecimento do futuro


E por não poder viver ou ver
o futuro,
sento e contemplo
frações do presente e do passado.

sábado, 17 de maio de 2014

Qual o limite?

 
Até que ponto podemos nos permitir sonhar, ou até pensonhar?
 
 
Já cheguei a um ponto do pensonhar parecer tão nítido, tão claro, tão real.
 
 

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Triste tempo

 
Uma existência triste pode ser tempo longo demais para esperar por um momento de alegria.
 
 

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Sobre o pensonhar IV

 
Veleidades podem travestir-se de pensonhamentos.
 
 

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Sobre ser feliz

 
Se não dá para ser feliz continuamente, seja feliz por partes, em pequenos pedacinhos: um pouco agora, um pouco antes de dormir, um pouco hoje, um pouco amanhã ou depois de amanhã, ou mês que vem, ano que vem ou assim que puder.
 
 

sábado, 10 de maio de 2014

Sobre o pensonhar III

Seria o pensonhar ver miragens conscientes do futuro possível?


sábado, 3 de maio de 2014

Sobre uma certa não certeza

 
Perturbo-me por não ter certeza se o que desejo é desejável.
 
 

Escreva seu futuro

 
Escreva seu futuro
 
Tirada com um smartphone Moto X e editada com efeitos dos apps HDR FX Pro e Instagram. Pretendo produzir outra foto melhor que ela. Essa é um, digamos, estudo.